quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Mato Grosso do Sul inicia colheita recorde que deve render R$ 5,5 bi

Reportagem na edição desta quarta-feira (22) do jornal Correio do Estado mostra que a safra sul-mato-grossense de soja, que inicia novo período de colheita, deve movimentar, neste ano, R$ 5,5 bilhões.

A produção, novamente recorde, está estimada em 6,1 milhões de toneladas, conforme dados do Sistema de Informações Geográficas do Agronegócio (Siga), desenvolvido pela Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja/MS) e Federação de Agricultura de Mato Grosso do Sul (Famasul). Na tarde de ontem, essas entidades lançaram oficialmente a colheita do grão no Estado. O evento ocorreu na Estância Cláudia em Campo Grande.A falta de chuva na região sul do Estado reduziu em 300 mil toneladas a expectativa inicial de 6,4 milhões de toneladas, conforme números do Siga. Mesmo com essa queda, a colheita do grão continua recorde, com avanço de 5,2% sobre o volume de 5,8 milhões de toneladas da safra anterior.

A área cresceu 10%, de 2 milhões de hectares para 2,2 milhões de hectares, a maior da história de Mato Grosso do Sul – conforme a série histórica da Companhia Nacional do Abastecimento (Conab), o recorde, até então, fora da safra 2004/2005, de 2,03 milhões de hectares. A reportagem é de Osvaldo Júnior.

Fonte:CORREIO DO ESTADO

Siga IMOVEI$ RURAI$ OPORTUNIDADE$ & NEGÓCIO$ no twitter->@jlmmattos